Associação de Juventude da Candelária

Notícias

XII JUVEARTE - FESTIVAL DE TEATRO EM CENA A PARTIR DE 2ª FEIRA, DIA 17

O XII JUVEARTE começa já na próxima segunda feira. Para além da cidade de Ponta Delgada, o teatro estará também em Santa Cruz das Flores, Velas de São Jorge e Santa Cruz da Graciosa.

A Associação de Juventude de Candelária leva à cena nove espetáculos de teatro no âmbito do XII JUVEARTE – FESTIVAL DE TEATRO.

Um evento que dá a conhecer o trabalho de alguns dos principais grupos de teatro dos Açores e, simultaneamente, permite o intercâmbio entre os grupos de diferentes ilhas e do continente português.

O programa foi apresentado esta tarde por atrizes do grupo de teatro Anexo, de São Miguel, no interior de um autocarro, que percorreu algumas das principais ruas da cidade de Ponta Delgada.

Na ocasião, João Alberto Pereira, presidente da Associação de Juventude de Candelária, destacou a presença, pela primeira vez, nas ilhas Graciosa e São Jorge, e a forte participação dos grupos de teatro regionais: Grupo de Teatro da Academia das Artes dos Açores e Anexo Grupo de Teatro, São Miguel; Grupo de Teatro A Jangada, Flores; Grupo de Teatro Alpendre e Grupo de Teatro Teatrinho, Terceira; e Grupo de Teatro A Semente, Graciosa.

Oriundos do continente português, os grupos de teatro Palmilha Dentada (Porto), Teatro das Beiras (Covilhã) e o ator Pedro Górgia (Lisboa).

O XII JUVEARTE – Festival de Teatro terá início no dia 17 de outubro, às 21h30, com a apresentação no Coliseu Micaelense da peça “O Guardião do Rio” pelo Teatro Palmilha Dentada, do Porto. Durante 60 minutos, o ator Ricardo Alves irá refletir e conduzir o público numa reflexão sobre as “coisas pequenas” que compõem a vida.

No dia seguinte, à mesma hora, o Anexo Grupo de Teatro, de são Miguel, dá-nos a conhecer “O Diário de Anne Frank”. Esta é uma história verídica, baseada no livro “O diário de Anne Frank”, sobre pessoas que passaram dois longos anos da sua vida num anexo, escondidos da Gestapo, por serem vítimas de perseguição tal como milhares de tantas outras por serem Judias. As coreografias apresentadas na peça são da responsabilidade de Milagres Paz e a música de Teresa Gentil.

No dia 19 de outubro, “A Voz Humana” sobe ao palco do Coliseu Micaelense, pelas mãos do Grupo de Teatro A Jangada, das Flores. Baseada na obra de Jean Cocteau, é uma peça que põe a nu os sentimentos e a "álgebra" da comunicação humana de realidades e sentimentos. Serão quatro mulheres em palco, cada uma com o seu estado de espírito, dando alma e voz a esta Mulher só durante 90 minutos.

No dia 20, o Teatrinho apresenta All Good’s Children, que aborda a problemática dos sem abrigo, e no dia seguinte, Pedro Górgia assume o papel de “Bom Ladrão”.

A encerrar o festival, “Ay, Carmela!”, pelo Teatro das Beiras, que nos propõe uma reflexão sobre questões e temas absolutamente intemporais.

No sábado, 22 de outubro, pelas 21h00, o JUVEARTE – FESTIVAL DE TEATRO também chega às ilhas de São Jorge, Graciosa e Flores.

O Auditório Municipal das Velas acolhe as “Divorciadas, Evangélicas e Vegetarianas”, do Alpendre Grupo de Teatro. Na peça”, três mulheres, Beatriz (Evandro Machado), Glória (Valter Peres) e Magui (Frederico Madeira), tentam mudar o seu próprio destino, as suas desventuras, o seu universo de solidão intetrior, acabando por ganhar uma roupagem cómica à medida que compartilham risos, misérias e as diversas soluções que tentam achar para os seus problemas.

O Auditório Municipal de Santa Cruz da Graciosa, por seu turno, apresenta “Trunfo é Copas”, em que numa festa de despedida de solteiro três amigos preparam uma noite de divertimento que não parece correr como desejavam. Uma peça com encenação de Gilberto Cardoso, do Grupo de Teatro da Academia das Artes de Ponta Delgada.

No mesmo dia, o Auditório Municipal de Santa Cruz das Flores recebe a peça “Três em Lua de Mel”, pelo grupo de teatro A Semente. Trata-se de uma comédia em três atos, original de Jorge de Sousa, que apresenta a relação entre uma mulher que casou após a morte do primeiro marido. Após o casamento, recebe a notícia que o seu primeiro marido não havia morrido como pensava, modificando toda a sua vida.

 

 

Workshop de teatro em São Jorge

De 17 a 23 de outubro terá lugar, no concelho das Velas, em São Jorge, um workshop de teatro/interpretação destinado a atores, músicos e artistas de outras áreas, amadores da arte de representar com ou sem experiência, professores e outros profissionais que comunicam com o público, estudantes e curiosos em geral.

O objetivo é oferecer aos participantes a possibilidade de um efetivo contacto com a arte da representação através da abordagem aos aspetos técnico-artisticos no trabalho de um ator; proporcionar aos participantes a experiência do confronto com o público; e, também, fomentar hábitos, disciplinas e dinâmicas capazes de estimular a criação ou enriquecimento de um grupo de teatro.

No final do workshop será realizada uma apresentação pública do trabalho realizado, com um espetáculo no dia 23 de outubro de 2011.

Babysitting

Recorde-se que, à semelhança dos anos anteriores, haverá, em Ponta Delgada, serviço de Baby-Sitting, que funcionará num espaço próprio sob a orientação de uma técnica especializada em educação de infância. As crianças, com idade igual ou superior a 3 anos, terão à sua disposição, de forma gratuita, um conjunto de atividades diversificadas, desde jogos e materiais didáticos, expressão plástica, filmes, livros e computadores.

 

 

Sábado, 15 Outubro, 2011

Ver todas as notícias

Web Development © Via Oceânica 2010 - Todos os direitos reservados.